Comunidade Casa Inteligente
Comunidade Casa Inteligente
Você procura por
  • em Publicações
  • em Grupos
  • em Usuários
VOLTAR

Como fazer automação alinhada ao projeto de arquitetura da residência?

Como fazer automação alinhada ao projeto de arquitetura da residência?
Positivo Casa Inteligente
jan. 29 - 5 min de leitura
000

As tendências tecnológicas já são realidade em diversas áreas e com a arquitetura não é diferente. O estilo de smart home tem sido cada vez mais procurado por ser mais econômico e inclusivo, além de levar a praticidade à rotina dos moradores.

Quem busca conforto e ergonomia em casa, os equipamentos inteligentes são a melhor maneira de transformar a experiência cotidiana já que desempenham suas funções de maneira automática a partir de comandos em aplicativos de celular.

Por se tratar de um modelo recente no contexto arquitetônico, muitos profissionais podem se deparar com algumas dúvidas na hora de fazer um projeto com automação residencial. E é por isso que preparamos esse texto. Se você é arquiteto e busca se especializar nessa área, confira essas estratégias.


Qual é o jeito certo de fazer um projeto com automação?


Antes de iniciar os trabalhos é necessário entender sobre o conceito de “Internet das Coisas”. O termo em inglês, IoT, já tem sido bastante difundido e estudado por cientistas da área de Tecnologia e Inovação.

Esse conceito nos permite entender quais pontos da residência podem ser automatizados a partir de um projeto arquitetônico.

Depois de compreender a fundo sobre a Internet das Coisas e qual sua influência no dia a dia das pessoas, vale prestar bem atenção aos próximos passos:


Acessórios e equipamentos: saiba escolhê-los

Não é preciso reformar a estrutura de uma casa para implantar acessórios inteligentes. Mas é preciso escolher quais deles vão compor o ambiente e quais são as condições/ sistemas que eles exigem antes de indicar alguma instalação. Por isso é muito importante conhecer sobre os equipamentos vendidos no mercado e saber como eles funcionam. Uma casa automatizada oferece muitos benefícios, mas precisa comportar os itens corretos de acordo com a estrutura disponível.


Tenha um projeto em mãos

Se você deseja estruturar uma smart home, saiba que é imprescindível ter um bom projeto de automação residencial em mãos. Esse trabalho pode ser feito durante a reforma ou construção de uma casa. Dessa forma, qualquer fiação e sistema  a ser inserido estará integrado nessa etapa anterior à entrega.


O que pode ser automatizado e como?


Já pensou que legal viver em uma casa inteligente? Com a tecnologia inovando equipamentos, é possível encontrar uma série de possibilidades para um projeto de automação. 


  • Luzes e lâmpadas

Sim, já é possível controlar a cor, o brilho e a intensidade de lâmpadas inteligentes a partir de aplicativos. Elas podem ser inseridas em qualquer local da residência. Além de darem ao ambiente um estilo diferenciado, ajudam a compor a decoração e ainda são bastante econômicas.


  • Ar condicionado

O ar condicionado é outro equipamento capaz de ser automatizado em projetos residenciais. Atualmente há a possibilidade de configurar os climatizadores para ligar e desligar quando atingir a temperatura desejada. E o mais importante, é claro: tudo pode ser feito pelo smartphone. 


  • Equipamentos de jardim e área externa

Economizar água regando as plantas já é uma realidade. Você deve estar se perguntando: mas como? Os sistemas de alguns irrigadores também são automáticos, ou seja, dá para controlar a quantidade de água utilizada nas irrigações. Outros itens beneficiados por essa tecnologia são as luzes externas e aquecedores de piscina.


  • Eletrodomésticos

Essenciais em nossa rotina, os eletrodomésticos podem se tornar aliados na organização e praticidade. Um projeto de automação envolvendo cafeteiras, fornos e geladeiras pode transformar e simplificar qualquer experiência residencial.


Qual é o papel do arquiteto em uma automação residencial?


Todo projeto bem feito precisa de um profissional conduzindo a obra. É nesse sentido que o arquiteto entra como responsável. A automação pode ser aplicada em qualquer residência, mas precisa ser muito bem planejada.

Fatores como o aproveitamento de espaço, a utilização de recursos do ambiente e a os detalhes envolvendo os sistemas são cruciais para o desenvolvimento desse processo.

E já que a automação virou tendência, é muito provável que diversos arquitetos disponíveis no mercado já adotem essas técnicas.


Pontos a serem considerados na automação residencial:

Para executar o projeto de automação, o profissional precisa se atentar a algumas circunstâncias envolvendo a implantação:

Cenário e ambientação: visuais distintos acabam sendo criados no projeto, já que a automação pretende deixar os espaços mais funcionais e distribuídos;

Rotina do cliente: ele utiliza bastante serviços de streaming? Se sim, é válido integrar algumas funcionalidades que melhoram a integração entre Smart TV e outros itens, como celular e alto-falante.

Segurança: além de luzes e eletrodomésticos, câmeras de segurança via wi-fi são outros acessórios que devem integrar o projeto residencial.

Estética e decoração: Além de prezar pelo conforto e praticidade, um bom projeto de automação precisa observar a elegância e a sofisticação do ambiente. As smart homes precisam ser construídas com o melhor aproveitamento dos cômodos a fim de garantir um design elegante e harmônico.

Os produtos da Positivo Casa Inteligente são perfeitos para quem deseja dar um “up” no projeto de automação residencial. Além de possuírem o melhor custo-benefício do mercado, eles são versáteis e de alta tecnologia, uma combinação incrível para quem ama inovar com estilo!



Denunciar publicação
    000

    Indicados para você